quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Aplicativos não elevam vendas de smartphones


Aplicativos não elevam vendas de smartphones
Aspectos como preço, tamanho, qualidade, câmera e teclado pesam mais para o consumidor

SÃO PAULO – Aplicativos têm pouca influência para os consumidores na hora de adquirir um smartphone. Esta é uma das conclusões do estudo da Deloitte "Revoluções de 2010".
Apesar de tanta preocupação com oferta cada vez maior de aplicativos, os resultados da pesquisa indicam que eles ainda não têm um peso significativo nas decisões dos consumidores na hora da compra.

Cerca de 58% dos consumidores que possuem ou pretendem comprar um smartphone dizem prestar mais atenção a aspectos como tamanho, qualidade, câmera e estilo do teclado, assim como o preço, enquanto só 18% afirmam que características e funcionalidades adicionais fornecidas por aplicativos são fatores que os influenciam na hora de comprar um telefone inteligente, de acordo com o estudo.
E, mesmo entre aqueles que adquirem smartphones, apenas 65% deles de fato baixam e usam aplicativos.
A pesquisa foi realizada entre junho e julho deste ano e ouviu 1960 pessoas, entre 14 e 75 anos de idade.

Nenhum comentário: