Intel paga US$ 1,5 bi à Nvidia e encerra ação

O acerto dá à Intel, maior fabricante mundial de chips, o direito de usar a tecnologia da Nvidia em seus chips para computadores





SAN FRANCISCO, EUA - A Intel pagará à Nvidia 1,5 bilhão de dólares pelo uso licenciado de sua tecnologia, encerrando disputa judicial e abrindo caminho a uma melhor concorrência nos processadores para PCs.


O acordo representou grande vitória para a Nvidia, causando alta em suas ações depois do fechamento dos pregões, como reconhecimento do valor de sua tecnologia gráfica para a Intel.

O acerto dá à Intel, maior fabricante mundial de chips, o direito de usar a tecnologia da Nvidia em seus chips para computadores, em um período no qual o processamento gráfico vem ganhando importância.

A Nvidia poderá usar certas tecnologias da Intel em seu esforço para criar chips para computadores com tecnologia licenciada pela ARM Holdings, do Reino Unido.


Muitos investidores antecipavam um acordo, mas não estava claro que montante a Intel pagaria à Nvidia, e o pagamento de 1 bilhão de dólares não havia sido incorporado à avaliação das ações da Nvidia, disse Kevin Cassidy, analista da Stifel Nicolaus.

Na semana passada, a Nvidia anunciou que desenvolveria um processador central para computadores com base em tecnologia ARM, sob o codinome "Projeto Denver", para uso em toda gama de máquinas, de estações de trabalho a supercomputadores, em desafio direto à Intel.

O acordo anunciado no final da segunda-feira não confere à Nvidia o direito de produzir processadores centrais que utilizem a cobiçada tecnologia "x86" da Intel.

"Esse não é nosso negócio central e nem temos a intenção ou estratégia de desenvolver esse tipo de coisa", disse Jen-Hsun Huang, presidente-executivo da Nvidia, em conversa telefônica com analistas.

A Nvidia se especializa em processadores que são ideais para processamento gráfico complexo, e os vem promovendo para uso em outras tarefas matemáticas complexas, tais como diagnósticos médicos por imagem e previsão do tempo.

Enquanto os processadores centrais tradicionais dos computadores, ou CPUs, são produzidos para realizar cálculos pesados rapidamente, os processadores gráficos, ou GPUs, oferecem desempenho excelente na realização simultânea de diversos cálculos menores, o que os torna ideais para certas tarefas específica

0 comentários:

Apresentação!


Aproveite nosso conteúdo e informação. Possuímos um grande arsenal de vídeo-aulas administradas pelo nosso companheiro de equipe Danyel Willian, Assistente de TI, Bacharel em Sistema de Informação e certificação em ITIL FOUNDATION; e postagens para melhor prepará-lo para concursos que relacionem à área de TI.

Espero que gostem de nossas postagens e videoaulas, e que possam com nossas informações adquirir um grande desenvolvimento social e tecnológico nesta área tão requisitada atualmente no mercado de trabalho.

A Equipe Informática Inteligente agradece a preferência!


Tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Equipe Informática

Equipe Informática Inteligente

Proprietário e ADM Principal

Danyel Willian

Autora - Assessora de Comunicação Digital

Júlia Medici


Autor - Técnico e Professor em TI. Formação em Administração de Empresas

Felipe Aguiar

Autor - Engenheiro da Computação

Julius Cardoso


Outros Administradores

Danilo Alves

Flávio Santos





Mural de Recados

Seguidores

Arquivo do blog

Parceiros/Concursos

Parceiros Aleatórios