sábado, 5 de fevereiro de 2011

Player da Sony tem boa qualidade de áudio

 

nossa avaliação

prós Qualidade de áudio, player mostra letras de músicas, funções de rádio FM e gravador
contras Não possui conectividade Wi-Fi, não expande curta memória interna
conclusão MP3 básico, com algumas comodidades; seu visual não agrada a todos

O player de mídia Walkman NWZ-E453, da Sony, oferece áudio de ótima qualidade e algumas funções interessantes. Além de vários tipos de equalização, ele tem um modo karaokê, que reduz o volume da voz do cantor. Outro recurso curioso é o que escolhe uma canção de acordo com o humor ou período do dia selecionado. Há, ainda, rádio FM (com o fone plugado) e gravador de voz. De ruim, só a capacidade da memória, de apenas 4 GB. Embora seja possível assistir a filmes na telinha, suas duas polegadas de diagonal a tornam pequena demais para isso. Além do azul do aparelho testado pelo INFOlab, há mais três opções de cor: vermelho, rosa e preto. O E453 custa R$ 299 reais.

O visual do NWZ-E453 é, digamos, peculiar. Para alguns membros do INFOlab, custou acreditar que era da Sony – o player chegou a ser equiparado a um “xing ling”. Entretando, por mais que a aparência do aparelho seja questionável, a sua construção é bastante boa, com acabamento em plástico duro que passa a sensação de durabilidade. Os botões, que fazem o papel de controlar tudo no reprodutor, já que o LCD não é sensível ao toque, também são bem construídos. O conector de áudio se encontra na parte de baixo, por conta da sua orientação padrão, que é vertical – ainda que o vídeo só seja reproduzido na horizontal, preenchendo a tela widescreen.

A Sony foi a responsável pela popularização do som portátil, desde os primórdios da invenção do Walkman, e continua fazendo jus a sua boa reputação em áudio. A qualidade sonora do E453 é acima da média por si só, e as predefinições de equalização voltados para arquivos MP3 deixam melhor ainda a atividade de ouvir música. O chamado “Clear Bass”, modo que prioriza os graves, dá a força necessária que demandam algumas canções, em especial quando utilizando fones de ouvido baratinhos. O par de fones que acompanha o E453, a propósito, é bem básico, no estilo earbud, ou seja, semelhante ao padrão iPod e sem introdução no canal auditivo.

Sua competência em reproduzir diferentes faixas de frequência é semelhante aos que a Apple empacota junto de seus players, mas os da Sony são mais confortáveis.
O visor de cristal líquido do NWZ-E453 possui duas polegadas de diagonal, com resolução de 240x320 pixels. Isso significa que, apesar da capacidade do player de reproduzir arquivos MP4 e WMV, a experiência não será muito agradável quando sua duração for maior que a de um videoclipe. Uma utilidade verdadeira que encontramos no LCD é mostrar a letra da música que está sendo tocada, com a extensão LRC – com direito a rolagem automática ao longo da reprodução. Além de rádio FM, enquanto os fones de ouvido incluídos estão ligados, o gadget também possui função de alarme, a qual pode usar canções que estão na memória interna. Os menus do E453 são em português.

Uma das coisas que gostamos no E453 foi a simplicidade ao adicionar conteúdo. Para adicionar tanto música como vídeo, desde que no formato correto, basta ligar o MP3 no computador e arrastar os arquivos para o drive correspondente, como se faz com um pendrive. O player, aliás, pode ser usado como memória flash USB, por mais que a capacidade de quatro gigas não permita que muita coisa seja carregada. Infelizmente, a porta e, consequentemente, o cabo responsáveis pela conexão player-PC são proprietários.

Por ser um player recente, foi estranho para nós saber que o E453 não possuía opções de maior capacidade, tampouco entrada para expandir a escassa memória através de um microSD. Mesmo assim, consideramos que o seu preço, de 300 reais, não é abusivo nem quando comparado aos aparelhos multifuncionais “made in China”, justamente por conta do suporte e garantia que oferece a Sony no país.

info.abril.com.br

Nenhum comentário: