quarta-feira, 16 de março de 2011

Processadores até 800% mais rápidos acabam de chegar ao Brasil

imagem


Nesta terça-feira (15/3), a Intel Brasil apresentou oficialmente ao mercado brasileiro os novos processadores da segunda geração da família Intel Core. Os novos chips Core i3, i5 e i7 foram apelidados de Sandy Bridge e irão equipar modelos de PCs, entre desktops e notebooks.

Segundo a empresa, o aumento de desempenho em relação à família de processadores anterior será notável. Ao ser comparado com a geração anterior, os novos produtos podem ser cerca de 800 vezes melhores em processamento transacional, o que reduziria o tempo de resposta.

De acordo com a Intel, simulações mostraram que a segunda geração da família Core poderia fazer com que uma pessoa ganhasse até oito dias a mais por ano. Isso seria o tempo referente ao período perdido anteriormente enquanto se aguardava a resposta de uma máquina com os antigos processadores.

Outro ponto destacado pela empresa é que os novos produtos levarão ao consumidor brasileiro inovações em experiência visual, combinando tecnologias visuais e processadores gráficos 3D. As novas características dos processadores incluem elementos para editar e compartilhar vídeos com melhor desempenho e assistir filmes em alta definição.

Treze fabricantes do país já contam com dispositivos equipados com os novos processadores: CCE, Dell, Lenovo, LG, Itautec, Megaware, Positivo, Philco, Samsung, Sony, HP, Asus e STI Semp Toshiba.


imagem



Se você estiver no mercado para comprar um novo PC, preste atenção nesta logomarca.

Ela é bem parecida com a que designava um Intel “Core” antigo, mas tem esta abertura dourada no meio, e indica computadores com a nova geração de processadores da empresa, os Sandy Bridge. Os engenheiros da Intel chamam a nova família de “o maior salto tecnológico de uma geração para a outra”, com incrível ganho de desempenho em relação aos antigos (de um ano atrás) Core i3, i5 e i7, especialmente em vídeo. Hoje, 13 empresas mostraram seus lançamentos com os novos processadores que chegarão logo ao mercado brasileiro.

O evento da Intel hoje trouxe apenas algumas amostras do que está por vir – a maioria dos fabricantes não tinha todas as especificações fechadas. À medida que os PCs forem chegando de fato ao mercado daremos mais informações. E, a Intel tratou de tranquilizar: o problema com os processadores no primeiro lote, que interrompeu a produção, já foi superado.



De acordo com a Intel, a segunda geração do Core permite a criação de conteúdo 42% mais rápido e os jogos estão até 50% mais rápidos.

Na demonstração feita pela companhia, a conversão de quatro vídeos para diferentes formatos foi feita em menos de um minuto, enquanto a geração antiga ainda convertia o segundo vídeo da lista.

Em comparação à geração Core 2 Duo, um dos processadores mais populares no Brasil, os novos chips são 800% mais rápidos.




Nenhum comentário: