sexta-feira, 25 de março de 2011

Profissionais de TI de SP decidem greve hoje

Profissionais de TI de SP decidem greve hoje


SÃO PAULO – A possibilidade dos trabalhadores de TI em São Paulo entrarem em greve pode chegar ao fim hoje caso o sindicato patronal aceite a proposta salarial feita pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).


Às 14h, o sindicato patronal irá comunicar se aceita ou não o parecer da procuradora regional do Ministério Público do Trabalho (MPT), Laura Martins Maia de Andrade

Na última terça, em audiência com os sindicatos dos profissionais de TI e patronal, a procuradora propôs um aumento salarial de 8,6%, o que representaria um ganho real de 2,13% acima do índice da inflação medido pelo INPC/IBGE.


Também foram propostos vale-refeição de R$ 12 para jornada de trabalho de oito horas (com o acréscimo de R$ 6 nos casos de carga horária superior), obrigatoriedade de implantação de Participação em Lucros e Resultados (PLR) e a inclusão dos pisos para programadores, com valor mínimo de R$ 1,2 mil, e para analistas, com o valor a partir de R$ 1,8 mil.


O Sindpd já aceitou o acordo e ameaça parar a categoria paulista na próxima segunda, 28, caso o Seprosp (Sindicato das Empresas de Processamento de Dados e Serviços de Informática do Estado de São Paulo) não aceite a conciliação proposta pelo MPT/SP.

Nenhum comentário: