Receita do Google cresce 27% no 1º tri de 2011

SÃO PAULO - As receitas do Google cresceram 27% no primeiro trimestre deste ano, em comparação aos ganhos obtidos no mesmo período em 2010, atingindo a US$ 8,6 bilhões.
O lucro da empresa nos primeiros três meses de 2011 foi de 2,3 bilhões de dólares, ou 7,04 dólares por ação.

Os sites da empresa resultaram em uma receita de US$ 5,88 bilhões (69% da receita total), resultado 32% acima daquele obtido no primeiro trimestre do ano passado.
Durante o anúncio, Larry Page, que reassumiu recentemente a posição de líder da companhia, começou o seu discurso afirmando que “tudo está funcionando conforme o esperado”, em clara referência ao processo de transição da gestão da empresa.
Sob nova direção
A divulgação dos números do Google gerou muita expectativa no mercado por ser a primeira da empresa sob o comando de Larry Page, que reassumiu no início deste mês o posto após uma década de gestão Eric Schmidt.
Investidores estão preocupados com a adaptação de Page ao comando cotidiano de uma empresa com mais de 24 mil funcionários, bem como em relação aos seus planos de investimento.
As ações do Google, que superaram as projeções de Wall Street por sete dos oito últimos trimestres, estão em queda de mais de 8 por cento desde que a empresa anunciou, em janeiro, que Page assumiria como presidente-executivo.
O Google está acelerando seus esforços para suplementar suas operações básicas de publicidade vinculada a buscas com receita gerada por publicidade online convencional e publicidade em celulares.
A empresa vem dedicando cada vez mais atenção às redes sociais e mercados locais de publicidade, segmentos dominados pelo Facebook e pelo site de cupons de desconto Groupon.
A atenção cada vez maior das autoridades regulatórias ao Google também vem causando mais preocupação aos investidores.
Primeira vitória da gestão de Larry Page
Talvez a primeira grande vitória de Larry Page desde que reassumiu o comando do gigante das buscas foi o aval da justiça americana para a compra da ITA Software.
Trata-se de uma das principais provedoras de software de venda de passagens aéreas online, por 700 milhões de dólares. Com a aprovação do negócio – sob condições severas impostas pelas autoridades norte-americanas, é verdade –, o Google poderá expandir-se no mercado de viagens online.
O principal produto da ITA é o QPX, um sistema de busca de passagens utilizado por agências de turismo e empresas de aviação de várias partes do mundo. A aquisição permitirá que o Google controle a tecnologia que alimenta esse sistema.
Desde julho do ano passado, quando o Google anunciou o negócio, a justiça dos EUA vinha investigando a aquisição sob a acusação de monopólio. Diversas companhias, incluindo a Microsoft, questionaram o negócio, alegando que custaria o acesso aos dados de que necessitam para competir com o gigante das buscas na internet, que avança para o mercado de turismo, segundo fontes próximas ao assunto.
A preocupação é de que o Google poderia criar um site de viagens, centralizado na ITA, e utilizar sua liderança em buscas para levar potenciais clientes a este endereço em vez de ao Bing Travel, da Microsoft, Expedia, Travelport, Orbitz Worldwide e outras agências online de viagens. Essas companhias utilizam dados do QPX.
O Departamento de Justiça dos EUA impôs várias condições ao Google, entre elas a continuidade do desenvolvimento do QPX.
Segundo o Google, a aquisição será benéfica para os passageiros, que poderão ter acesso pelo site a informações completas sobre vôos, podendo comparar preços e demais condições, e também para as agências e companhias aéreas, que poderão conseguir um número maior de clientes. O Google diz que não tem planos de vender passagens aéreas para os consumidores.

0 comentários:

Apresentação!


Aproveite nosso conteúdo e informação. Possuímos um grande arsenal de vídeo-aulas administradas pelo nosso companheiro de equipe Danyel Willian, Assistente de TI, Bacharel em Sistema de Informação e certificação em ITIL FOUNDATION; e postagens para melhor prepará-lo para concursos que relacionem à área de TI.

Espero que gostem de nossas postagens e videoaulas, e que possam com nossas informações adquirir um grande desenvolvimento social e tecnológico nesta área tão requisitada atualmente no mercado de trabalho.

A Equipe Informática Inteligente agradece a preferência!


Tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Equipe Informática

Equipe Informática Inteligente

Proprietário e ADM Principal

Danyel Willian

Autora - Assessora de Comunicação Digital

Júlia Medici


Autor - Técnico e Professor em TI. Formação em Administração de Empresas

Felipe Aguiar

Autor - Engenheiro da Computação

Julius Cardoso


Outros Administradores

Danilo Alves

Flávio Santos





Mural de Recados

Seguidores

Arquivo do blog

Parceiros/Concursos

Parceiros Aleatórios