quarta-feira, 18 de maio de 2011

5 suítes online e de graça para aposentar o Office

Há muitos anos a suíte de escritório da Microsoft domina o mercado com o Word, o PowerPoint e o Excel, mas essa tradição pode estar ameaçada pela nuvem. Se ainda não substituem completamente os programas offline, vários aplicativos online já dão conta das funções mais importantes dos software de produtividade. Veja  os 5 melhores e dê sua opinião nos comentários abaixo.
Google Docs
O Google Docs tem 5 ferramentas: um editor de texto, um de apresentações, um de planilhas, um de formulários e um de desenho. Todos têm apenas recursos básicos, mas suficientes para a maioria da atividades rotineiras.
Seus pontos fortes são a integração com o Gmail, a possibilidade de colaboração em tempo real e a tradução de documentos para outras línguas.
Por outro lado, tem algumas incompatibilidades com o Microsoft Office.

Microsoft Office Web Apps

A versão online do MS Office é a mais nova do ramo, foi liberada para todos os usuários apenas esse ano.
Integrada com Hotmail e SkyDrive (que oferece 20Gb de espaço), a suíte na nuvem inclui o Word, o PowerPoint, o Excel e o OneNote e tem como principal vantagem sobre os concorrentes uma experiência de uso muito similar a do software que domina o mercado de produtividade. Ela também, obviamente, não tem os pequenos problemas de compatibilidade com arquivos do Office que a maioria dos editores online costuma ter.
Contudo, perde pontos pelo fato da colaboração em tempo real ser restrita ao Excel e ao OneNote e por não ter um chat integrado.

Zoho
O Zoho é uma suíte voltada para escritório e pequenos negócios. Tem quase 30 aplicativos, divididos em três categorias – Collaboration, Business e Productivity.
A variedade é impressionante. Há desde editores de textos, planilhas e apresentações até o complexo CRM, com ínumeros recursos para controlar o funcionamento de uma empresa. Também oferece email corporativo, armazenamento de dados na nuvem e ferramenta de suporte remoto.
Outro ponto positivo é a integração com Microsoft Office através de um plugin disponibilizado no site e a possibilidade de importar arquivos do Google Docs.
Mas o Zoho Docs, que reúne as ferramentas de produtividade, tem uma limitação.  O espaço gratuito disponível é de apenas 1Gb.

Live Documents
Sua promessa é “Crie como no MS Office, compartilhe como no Google Docs”. O webware reúne, numa interface que lembra um desktop virtual, uma ferramenta para textos, uma para planilhas e uma para apresentações.
Apesar de poucos, os programas são ricos em recursos. O de texto, por exemplo, tem grande variedade de tipografias e possibilita, de forma simples, ajustes como kerning e número de colunas.
O compartilhamento, como propagandeado, é realmente simples e o webware ainda permite importar arquivos direto do Google Docs ou do computador. Além disso, também pode adicionar fotos do Flickr, inserir definições de palavra, buscar citações e usar a tradução do Google Translate
ThinkFree
O Think Free também só tem os equivalente ao Excel, PowerPoint e Word. Os aplicativos são simples e suficientes para o uso diário.
Além de ser compatível com os arquivos do Office, tem uma interface parecida com a suíte da Microsoft. Porém, seu maior diferencial é a mobilidade – o ThinkFree tem ótimos (e gratuitos) aplicativos para Android, iOS e Windows Mobile.
Apesar disso, a interface do gerenciador de arquivos é um pouco confusa e o usuário só dispôe de 1Gb para armazenar seus arquivos.

Nenhum comentário: