quarta-feira, 8 de junho de 2011

Microsoft pode comprar a NVIDIA

imagem


De acordo com informações surgidas recentemente, a Microsoft tem um tipo de ”pacto” com a NVIDIA que dá a ela o direito exclusivo de adquirir 30% ou mais das ações da empresa caso uma oferta dessas seja feita por qualquer outra companhia.

Basicamente, o acordo impede que qualquer outra empresa possa comprar a fabricante de GPUs.

Em um documento enviado para a Securities and Exchange Commission em maio, e obtido pelo site Information Week, a NVIDIA confirma o acordo:

“Under the agreement, if an individual or corporation makes an offer to purchase shares equal to or greater than 30% of the outstanding shares of our common stock, Microsoft may have first and last rights of refusal to purchase the stock”.

A NVIDIA tem uma participação ativa no mercado de componentes para tablets e também fabrica GPUs para desktops e notebooks. Durante a Computex nesta semana, a Microsoft exibiu diversos tablets com o Windows 8 e equipados com chips da NVIDIA. Entre as empresas que utilizam componentes desenvolvidos por ela estão a Samsung e a Motorola.

Um relatório do site Information Week sugere que nos últimos anos a Apple demonstrou interesse em comprar a NVIDIA, mas as informações sobre o acordo com a Microsoft podem ter colocado um fim nisso.

Na semana passada, a NVIDIA divulgou seu relatório financeiro trimestral e informou que qualquer tentativa de aquisição por outra empresa seria barrada por causa do acordo com a Microsoft.

Ter a opção de impedir a aquisição da NVIDIA por outra empresa coloca a Microsoft em uma posição forte no mercado, já que isto significa que ela poderá impedir uma potencial interrupção na cadeia de suprimento de componentes para diversos aparelhos, como os tablets com o Windows 8.

Por enquanto, parece que a Microsoft não planeja comprar a NVIDIA tão cedo, mas executivos da empresa se negaram a fornecer comentários sobre o suposto relatório obtido pelo Information Week.

Nenhum comentário: