quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Criador do PayPal aposta em país flutuante





São Paulo – O criador do PayPal, serviço de pagamentos na Web, Peter Thiel, 43 anos, decidiu investir mais US$ 1,25 milhão de dólares no projeto audacioso do Seasteading Institute: construir cidades-estados no meio do oceano.

Localizado na Califórnia, EUA, o Seasteading Institute é uma organização sem fins lucrativos que pretende construir estruturas flutuantes em águas internacionais. A ideia é estabelecer comunidades livres de regulação, leis e convenções morais. Seu conceito foi moldado a partir das ideias do economista vencedor do Prêmio Nobel, Milton Friedman, cujo neto, Patric Friedman, fundou o instituto.


Para justificar os propósitos idealistas do Seasteading, seu fundador afirmou que boas ideias começam como ideias estranhas. E parece que para Thiel, que também foi pioneiro ao investir no então iniciante Facebook, a justificativa foi convincente. Ainda em 2008, ele fez um pequeno investimento de US$ 500 mil e afirmou que Seasteading era um passo óbvio para incentivar o desenvolvimento de um modelo de setor público mais prático.

Seu investimento mais recente, de US$ 1,25 milhão, deve ser usado para a construção de ilhas-escritórios independentes na costa de São Francisco, Califórnia, ano que vem. Colônias para moradia permanente só deverão ser construídas em sete anos. Cada colônia terá espaço para 270 pessoas. Serão mais de 12 mil toneladas flutuando sobre o oceano. Estima-se que, até 2050, milhões de pessoas estejam vivendo em alto mar.


Comentário: Particularmente acho arriscado em meio a tantos fênomenos naturais como furacões e congêneres.

Nenhum comentário: