quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Jardim Botânico: um parque conectado

Cariocas sabem o como é fácil se perder dentro do Jardim Botânico e ainda, ver aquela planta intrigante e não saber qual espécie é. É horrível voltar para casa cheia de dúvidas, é como se o passeio não tivesse sido aproveitado. Mas esses problemas acabaram! O Laboratório Visgraf em parceria com o Instituto Antonio Carlos Jobim desenvolveram o primeiro app voltado para a exploração do Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

Imagem: Reprodução/Internet


Apesar de, inicialmente, ser disponibilizado somente para o iOS, o app Botanic é gratuito oferecerá informações como horários de funcionamento, um mapa localizador GPS e navegação “turn-to-turn” e informações sobre as principais áreas do local. Além disso, o usuário terá acesso a uma galeria de imagens tiradas no parque pelo fotógrafo Zeka Araújo, trilhas temáticas com mídias audiovisuais associadas a locais específicos, visor de realidade aumentada com localização de panoramas, apontador de locais no mapa como: toaletes, café, Wi-Fi e até (pasme!) uma seleção de trilha sonora.

“A revolução dos aplicativos melhora a vida dos usuários de diversas formas. Quem gosta de curtir a natureza tem um motivo a mais para visitar o Jardim Botânico que é um orgulho para nós cariocas” – analisa Gelma Reis, proprietário e diretor técnico da empresa Ética Ambiental.

Imagem: Visgraf 

O app está na versão 1.2, ocupa 14,9 MB e vem com os idiomas português e inglês. É compatível com iPhone, iPad e iPod Touch e requer a versão 6.1+ do iOS. Ele pode ser baixado diretamente no celular pelo iTunes e é aconselhado acessar o menu “Info Mode” antes de começar a usá-lo, isso por que este proporciona informações importantes para o pré-visita como o preço do ingresso, locais para estacionar e atividades em andamento nas instalações do Jardim Botânico.

Mais informações no site oficial da Visgraf: http://www.visgraf.impa.br/botanic/

Nenhum comentário: